Busca

     

Resultado



JUDITH BUTLER E OS PROBLEMAS DE GÊNERO


Um dos nomes mais importantes do feminismo contemporâneo, a filósofa americana Judith Butler ganhou destaque nos anos 1990 com o livro Problemas de gênero: feminismo e subversão da identidade. A obra impulsionou o desenvolvimento da teoria queer e é considerada referência em debates que envolvem, por exemplo, a compreensão do gênero como performatividade, a subversão das normas de gênero e a crítica ao sistema sexo/gênero. Nesse curso, a professora Carla Rodrigues fará uma introdução a esse aspecto do pensamento da filósofa, entrelaçando questões candentes entre as feministas hoje.



TRUMP, 100 DIAS DEPOIS


Surpreendendo analistas do mundo inteiro e marcando para sempre a história política norte-americana, Donald Trump foi eleito presidente dos Estados Unidos no ano passado. Após uma campanha cheia de controvérsias, o bilionário republicano, que concorreu pela primeira vez na vida a um cargo público, ocupa agora o Salão Oval da Casa Branca.

Nesse encontro, a CASA DO SABER RIO convida o jornalista Guga Chacra a apresentar um balanço sobre a situação social e política dos Estados Unidos 100 dias após a posse de Trump. Direto de Nova York, por videoconferência, Chacra traz um panorama do momento e as direções que as políticas de Estado de Trump tomaram nesse início de mandato, bem como suas consequências para o mundo.

*Este encontro será realizado por videoconferência com mediação do professor Michel Gherman.  



O CINEMA POR TODOS OS ÂNGULOS - AS "ESCOLAS CINEMATOGRÁFICAS"


Este curso apresentará uma introdução às principais “escolas cinematográficas” e suas características: o cinema clássico americano, o neorrealismo italiano, o cinema psicológico sueco, a nouvelle vague francesa, o cinema novo brasileiro, o cinema político do leste europeu, o novo cinema independente americano. Também abordará as séries de televisão, um formato que cada vez mais atrai roteiristas e diretores aclamados da Sétima Arte. Todas as aulas contarão com exibição de trechos de filmes relacionados ao tema.



LIBERDADE


O conceito de liberdade vem se modificando e se adaptando ao longo dos séculos, influenciado por movimentos que forçaram ora o seu declínio, ora a sua ampliação. Para debater questões relacionadas a essa ideia tão cara a todos nós, a CASA DO SABER RIO reunirá os primos Daniel e Léa Maria Aarão Reis.

Juntos, o historiador e a jornalista realizarão um percurso histórico pelo conceito de liberdade – partindo das cidades-Estado italianas, da revolução política das Províncias Unidas nos Países Baixos e da Revolução Inglesa, e passando pelas revoluções francesa e americana, com suas ambições e limitações, até chegar ao Brasil atual.

Será dado destaque à transformação da ideia de liberdade pela humanidade, com especial atenção às classes populares, que pensaram o conceito de outras maneiras e sob novos ângulos. Também serão levantadas perguntas como: quais os limites da liberdade individual? A liberdade e a igualdade são irmãs ou inimigas? Seria a racionalidade da livre escolha uma ilusão?



MULHERES E CONFLITOS ARMADOS


A atuação de mulheres em diversas forças armadas ao redor do mundo, bem como o papel delas em importantes focos de resistência – como as guerrilheiras peshmerga frente aos avanços do Estado Islâmico –, vem chamando cada vez mais a atenção.

O objetivo desse curso é apresentar um panorama de diversos conflitos armados, tendo como recorte a questão de gênero, a fim de evidenciar aqueles em que a presença feminina se mostrou fundamental. Contaremos com a ajuda das teorias da filósofa norte-americana Judith Butler e das ideias das escritoras Svetlana Aleksiévitch, bielorussa, e Susan Sontag, norte-americana, para refletir sobre os estudos de caso.



VIAGENS ENTRE MUNDOS - OS 200 ANOS DA MISSÃO FRANCESA


O ano de 1816 marca o início de um período áureo para o Brasil, que passa a integrar o Reino Unido, junto a Portugal e Algarve. A chegada ao Brasil da Missão Artística Francesa, com o objetivo de fundar a Academia de Artes e Ciências, contribui para o projeto civilizatório que transformaria a antiga colônia no mais importante país das Américas. O diretor de estudos da Ecole des Hautes Études en Sciences Sociales Jacques Leenhardt, responsável pela re-edição moderna da Viagem Pitoresca e Histórica ao Brasil, obra de Jean-Baptiste Debret publicada originalmente na França em 1839, virá ao Brasil especialmente para esta palestra.

O encontro, moderado pela musicista Rosana Lanzelotte, abre a sétima edição do Circuito BNDES Musica Brasilis, concerto que rememora esse fértil momento artístico do país.

        



Internet: passado, presente e futuro


Para celebrar os dez anos de fundação da CASA DO SABER RIO O GLOBO, os membros do seu conselho diretor recebem, para uma rodada de conversas, convidados que são destaque em suas áreas de interesse e atuação. O ciclo Os Sócios Recebem ilustra a pluralidade de vozes e temas, característica da CASA desde a sua concepção. Publicidade, artes, direito, tecnologia, economia, entre outros assuntos, serão contempladas em seis encontros.

Nesse encontro, Alexandre Ribenboim, um dos fundadores da CASA, especialista e consultor em tecnologia, recebe Guilherme Ribenboim, vice-presidente do Twitter para a América Latina, e o jornalista Beto Largman para um bate-papo sobre uma série de questões acerca do futuro da tecnologia, como as principais tendências para a internet nos próximos anos, as ferramentas da web e suas possibilidades, as diferenças entre as plataformas, entre outros assuntos.



A INTOLERÂNCIA EM DEBATE


Alerta de segurança máximo é o novo normal nos países europeus, sob constante ameaça de novos atentados. Nos Estados Unidos, o medo faz parte da vida cotidiana e envenena a política. Guerras, terrorismo e extremismo disseminam o ódio, levam ao êxodo milhões de pessoas em busca de um pouco de paz e provocam a radicalização na política interna de diversos países. O Brasil não escapa desse cenário: aqui também pipocam conflitos religiosos e políticos, com demonstrações explícitas de racismo e preconceito social. Tem havido aumento da intolerância? Por quê? O que aconteceu com a política da tolerância construída na Europa dos direitos humanos e no multiculturalismo americano? Esse é o tema abordado nesse ciclo por pensadores contemporâneos, que podem nos ajudar a fugir das armadilhas da intolerância.



AL CAPONE: VILÃO OU ANTI-HERÓI?


Ele já foi nomeado o homem mais importante do ano pela revista Time de 1929, ao lado de personalidades como Albert Einstein e Mahatma Gandhi. Inspirou diretores de cinema da magnitude de Federico Fellini e atores como Robert De Niro e Al Pacino. Seus trajes ainda hoje têm impacto no mundo da moda, enquanto, na música, suas boates clandestinas serviram de ambiente ideal para o florescimento do jazz e o despertar de artistas como Louis Armstrong, Anita O’Day e Billie Holiday. Aquele que era para ser um típico filho de imigrantes italianos perdido no mundo do crime acabou se tornando um dos ícones da cultura dos Estados Unidos. Expulso da escola por ter agredido a professora e conhecido por uma cicatriz na bochecha, Al Capone desafia nosso julgamento ao ser, ao mesmo tempo, objeto de censura e admiração.

Sua biografia é o tema do documentário Al Capone: um ícone americano (Al Capone: Icon), dirigido por Danielle DiStefano e Danielle Gervais. A CASA DO SABER RIO O GLOBO, em parceria com o CANAL PHILOS, realiza a exibição desse filme seguida de um bate-papo com a roteirista Maria Clara Mattos sobre o impacto da figura do criminoso no imaginário social.