Busca

     

Resultado



CRIAÇÃO COM APEGO


A formação de vínculos sólidos com os pais ou cuidadores é a base para que as crianças cresçam seguras para explorar o mundo ao seu redor e para estabelecer relacionamentos saudáveis ao longo da vida. O desenvolvimento emocional, físico e neurológico do bebê é amplificado quando suas necessidades são atendidas de forma consistente. E, para os pequenos, o afeto e o contato físico são tão prementes quanto os cuidados com a alimentação e a higiene.

 

Nesse encontro, a CASA DO SABER RIO recebe Thiago Queiroz, criador do site Paizinho, Vírgula! e líder certificado pela associação Attachment Parenting International, para falar sobre técnicas de criação com apego que favorecem um relacionamento mais afetivo e respeitoso entre pais e filhos. Para viabilizar a participação do maior número de famílias, será permitida a presença de crianças acompanhadas dos responsáveis na palestra.

 

EM CASO DE INSCRIÇÃO SIMULTÂNEA PARA DUAS PESSOAS, O VALOR TOTAL FICA EM R$ 170. DESCONTO VÁLIDO APENAS PARA VENDAS PELO TELEFONE 2227-2237 E NÃO CUMULATIVO COM OUTRAS PROMOÇÕES. EXCEPCIONALMENTE, SERÁ PERMITIDA A PRESENÇA DE BEBÊS E CRIANÇAS NO ENCONTRO.



ANSIEDADE E TDAH: O QUE AFLIGE PAIS, PROFESSORES E ALUNOS


Distúrbios psiquiátricos são quase sempre cercados de dúvidas e tabus. Quando acometem a infância, então, costumam deixar a família e a escola desorientadas. Nesse encontro, o neuropediatra Giuseppe Pastura abordará duas das condições clínicas que mais atingem crianças, o Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH) e os Transtornos de Ansiedade, para municiar pais e educadores com informações importantes para ajudá-las.

 

Extremamente comum nessa fase da vida, atingindo cerca de 5% dos estudantes, o TDAH caracteriza-se por comportamento desatento e/ou hiperativo em intensidade maior do que a observada em crianças de nível de desenvolvimento semelhante. Sem tratamento, provoca baixa autoestima, dificuldade de socialização e baixo rendimento escolar.

 

Já os sintomas dos Transtornos de Ansiedade podem variar desde um simples medo de inseto até o medo de se separar dos pais para ir à escola ou intensas preocupações com situações futuras. Crianças acometidas costumam apresentar queixas associadas, como dor abdominal, cefaleia, fadiga excessiva, irritabilidade, tensão muscular e distúrbios do sono.



O DILEMA DA CULTURA FAMILIAR CONTEMPORÂNEA


Com a melhor das intenções, as famílias têm utilizado estratégias de controle excessivo na educação dos filhos. Monitoramento por câmeras e outros dispositivos eletrônicos, uso de bafômetro a cada volta à casa no fim de semana, grupos de WhatsApp de mães neuróticas, entre outras medidas, passaram a fazer parte de uma rotina que vai se naturalizando.

 

O encontro pretende descrever os efeitos colaterais adversos dessa naturalização e discutir formas de avanço na direção do desenvolvimento emocional seguro, sem comprometimento da autonomia e da saúde mental de crianças e adolescentes.



LIGUE OS PONTOS: LEITURA E CONECTIVIDADE


Nos últimos anos, o meio educacional foi inundado por uma avalanche de novidades. Mil novas metodologias foram apresentadas, todas buscando mudar o esquema atual das escolas. É Design Thinking pra cá, Sala Invertida pra lá, Cultura Maker, Snack Learning, Storytelling, Realidade Aumentada… A lista é infindável.

 

Muitas escolas conduzem reformas nos seus projetos. Reparos e ajustes para tentarem seguir acompanhando a evolução do mundo. E aí está um nó: não precisamos só de evolução. Precisamos de REVOLUÇÃO. E uma revolução não conforta, ela incomoda. Estamos em tempos de desconforto e isso nos impulsiona a seguir. A discussão que não pode faltar é sobre Leitura e Conectividade.

 

Nesse encontro, vamos conversar sobre esses conceitos na contemporaneidade, abordando a questão dos multiletramentos e a educação multimodal para entendermos o lugar da leitura na atualidade.



OS NOVOS PRÍNCIPES E PRINCESAS


A missão dos pais na atualidade parece ser a de tornar a vida dos filhos cada vez mais prazerosa e isenta do cumprimento de obrigações e de regras cotidianas. Em consequência, a penosa tarefa de transmissão de valores e princípios morais acaba ocupando um lugar secundário na prioridade dos pais.

 

O encontro visa discutir estratégias de educação que retirem os filhos do centro da cena, promovendo o imprescindível destronamento narcísico. É só a partir dessa destituição desse lugar privilegiado que a criança se credencia a portar a “carteirinha” de sócia da civilização humana.

 

Nesses tempos em que a cultura hedonista preconiza a ideia falaciosa de um estado emocional de prazer imediato, cabe à família a cansativa responsabilidade de conciliar permanentemente as formas de bem-estar passageiro com o acatamento das regras sociais



ARTE E CRIANÇA, ARTE E CONHECIMENTO


Arte é para qualquer idade? Como introduzir os pequenos no universo das artes plásticas? Nesse encontro vamos conversar sobre o mundo de descobertas que envolve a infância e a arte. Quais experiências estéticas acreditamos ser importantes para as crianças? Tem lugar na vida dos pequenos a apreciação da arte? E o lugar da sua expressão artística? Como podemos investir no conhecimento sensível das crianças?



NOVO ANO, ESCOLA NOVA - QUAIS AS PRINCIPAIS ATENÇÕES NO NOVO CICLO DE VIDA DO SEU FILHO?


Vamos conversar nesse encontro sobre 3 eixos: O que é mudança? O que é adaptação? E experiência?

 

Mudança de escola parece ser algo simples, mas não é!

 

O que é mudar? O que carrega essa mudança em si? Muitos falam de adaptação como se fosse apenas para a criança bem pequena. Será mesmo que só ela precisa de adaptação? Qual é o conceito de adaptação e o que esperamos da escola e da criança? Quais experiências seu filho pode viver nesse momento? Ganhos e perdas?



O DESAFIO DA INCLUSÃO: MEU FILHO TEM SÍNDROME DE DOWN


O nascimento de um bebê é um dos momentos de maior expectativa, ansiedade e alegria na vida de toda a família. Os pais dedicam afeto, tempo e dinheiro aos preparativos para recebê-lo, fazem planos para o futuro e sonham com o dia em que poderão finalmente ver seu rosto. O importante é que venha com saúde, são os votos universais para todas as grávidas. Mas… e se não vier? E se nascer com algum tipo de deficiência? Deixará de ser seu filho? Deixará de ser amado?

 

Neste encontro, a psicopedagoga Alessandra Almeida Maltarollo divide com os participantes a aventura que é ser mãe de Clarice, uma linda garotinha com Síndrome de Down que há 11 anos desafia seus conhecimentos, seus valores, suas raízes. A experiência prévia e os estudos não foram suficientes para preparar Alessandra para essa tarefa. Sua vida se tornou um grande aprendizado, onde os maiores desafios foram e continuam sendo vencer o preconceito em torno da deficiência e promover a inclusão.



CUIDADOS COM O BEBÊ: AMAMENTAÇÃO


Fonte de nutrição, aconchego e proteção para o bebê, a amamentação muitas vezes é interrompida precocemente – ou nem chega a se estabelecer –, devido a dificuldades práticas, palpites desinformados e temores infundados. Muitos desses problemas, porém, podem ser evitados com orientação adequada e apoio da família.

 

Neste encontro, a enfermeira materno-infantil Graziela Abdalla dá dicas preciosas sobre a pega correta, as melhores posições para o aleitamento, a confusão de bicos e outros temas essenciais para o sucesso desse ato tão importante para o início da vida da criança. Para simular algumas das técnicas, gestantes e casais contarão com bonecos com peso e tamanho semelhantes aos de um recém-nascido.