Busca

     

Resultado



A DOLOROSA ARTE DE CRESCER


Rebeldia, inconsequências, experimentações e contestação são as associações que mais vêm à mente quando o assunto é adolescência. Vista como uma transição recheada de descobertas e possibilidades, essa fase crucial do desenvolvimento também inclui momentos de grande tristeza e sofrimento.

A CASA DO SABER RIO convida os Psiquiatras da Infância e Adolescência Ricardo Krause, Didia Fortes e Tiago Figueiredo para conduzirem o debate sobre como identificar e entender o lado menos conhecido do processo de crescimento.



AGRESSIVIDADE NA ESCOLA: O PROBLEMA DO BULLYING


Fenômeno recorrente nas escolas, o bullying é um dos temas da área de Educação que parece não se esgotar. Por mais que se discuta nas esferas escolar e familiar a incidência de casos e suas variações, nem sempre se dá ao fenômeno a relevância que mereceria receber de pais e educadores.

Diante das graves consequências para as vítimas e para os próprios agressores, qual o papel da escola e da família ao lidar com o problema, de forma a manter um diálogo aberto e responsável, sem que se tornem meros expectadores?

Para discutir as causas, o perfil dos alvos e provocadores do bullying e suas diferentes práticas, a CASA DO SABER RIO recebe a educadora Tania Zagury para ministrar um curso sobre a questão da agressividade entre estudantes nas escolas.



PEDAGOGIA DE PERGUNTAS - O DESAFIO DE NÃO PARAR DE QUESTIONAR


O grande desafio da educação é motivar o aluno a cultivar a própria curiosidade. É aprender a ferramenta mais poderosa hoje: saber fazer perguntas. E como isso se dá? É possível aprender a ser questionador e investigador? A pergunta é uma potência filosófica e educativa. Mas... o que é uma pergunta? Por que perguntamos? De onde vêm as perguntas? Para que perguntamos? O que esperamos?



CHAPEUZINHO VERMELHO ONTEM, HOJE E SEMPRE


Sim, vamos falar da inesgotável Chapeuzinho Vermelho! São tantos séculos, olhares e interpretações sobre essa história narrada por Perrault e pelos Irmãos Grimm, que nos deixa um questionamento: o que esse conto tem de tão especial? Por que não paramos de produzir leituras e releituras desse clássico? Onde a história nos pega? O que a Chapeuzinho tem a nos dizer em 2019?



LAB DE CRIAÇÃO E CONSTRUÇÃO DE PERSONAGENS EM BONECOS


Como seria o mundo se todos fôssemos empáticos? Nesse LAB vamos usar a criatividade, construindo novas histórias e personagens para esse mundo do qual queremos fazer parte e no qual queremos viver.



VIAJAR: EDUCAÇÃO PARA VIVER


“Um homem precisa viajar. Por sua conta, não por meio de histórias, imagens, livros ou TV. Precisa viajar por si, com seus olhos e pés, para entender o que é seu. Para um dia plantar as suas árvores e dar-lhes valor. Conhecer o frio para desfrutar o calor. E o oposto. Sentir a distância e o desabrigo para estar bem sob o próprio teto. Um homem precisa viajar para lugares que não conhece para quebrar essa arrogância que nos faz ver o mundo como o imaginamos, e não simplesmente como é ou pode ser; que nos faz professores e doutores do que não vimos, quando deveríamos ser alunos, e simplesmente ir ver”. Amyr Klink

Como o "viajar" faz parte da nossa educação, ampliando nossa concepção sobre o viver? Por que devemos investir em viagens e experiências? Como se dá essa experiência que transcende a cognição e se dá no corpo, pela nossa percepção sutil de nós mesmo, dos outros, do que está ao nosso redor? Por que é importante estar presente fisicamente em novos lugares? Se não fosse importante, não existiria diferença entre ler informações sobre uma rota turística e ir visitá-lo, certo? O que acontece conosco, nesse processo? Essa é a conversa desse encontro.



LAB PARA CRIANÇAS | O MUNDO ESTÁ EM PERIGO? CHAMEM OS HERÓIS!


Aquiles, Hércules, Harry Potter, Dr. Estranho, Super Homem... O que eles têm em comum? Vamos fazer um raio-x dos heróis e participar de atividades criativas sobre esse universo!



AUTISMO: NOTÍCIAS DE UM MUNDO PECULIAR


O início do século XXI assistiu a um aumento significativo do número de crianças e adolescentes recebendo diagnósticos e tratamentos psiquiátricos. Alguns desses diagnósticos parecem ter ganho proporções epidêmicas. O autismo ganha especial destaque pelos seus graus variáveis de comprometimento, pelas diferentes formas de apresentação e possibilidades de tratamento. A importância da intervenção precoce, a variedade de profissionais envolvidos e as frequentes discordâncias desses especialistas colocam os Transtornos do Espectro Autista entre os temas mais abordados e discutidos entre os que trabalham com saúde mental de crianças e adolescentes. Fazer uma atualização acerca dessas informações para o grande público é o objetivo desse curso.



LIBERDADE E LIMITES PARA CRIANÇAS E ADOLESCENTES


Com as mudanças ocorridas nas quatro últimas décadas na relação entre pais e filhos, as crianças do século XXI aprenderam a se relacionar com os progenitores de forma praticamente isenta de hierarquia, com grande liberdade e, em geral, poucas regras. O diálogo vem sendo o método preferencial para educar, enfoque que leva em consideração os seus desejos. A quase ausência de limites e a insegurança dos pais, porém, podem transformar o dia a dia em uma luta inesgotável, deixando a família perplexa e culpada. Por sua vez, crianças e adolescentes vêm se tornando mimados e egocêntricos, enquanto cresce o percentual dos que constituem a geração nem-nem (nem trabalha, nem estuda).

Como conciliar liberdade e limites? Quando dizer sim e quando dizer não? Na adolescência é ainda mais difícil? Essas e outras questões serão apresentadas e discutidas do ponto de vista educacional.