Busca

     

Resultado



A CHINA EM QUATRO PALAVRAS


Quarenta anos após o início de suas reformas econômicas, a China está prestes a se tornar o maior PIB do mundo. Na década atual, a política externa chinesa se tornou mais assertiva, mais disposta a confrontar o Ocidente, e com ambiciosas agendas regionais na Ásia Central e no Mar do Sul. A relação com os Estados Unidos piorou, com conflitos comerciais e divergências políticas crescentes.
 

Esse curso tem como objetivo apresentar uma visão da China a partir de quatro palavras-chave para sua história e identidade nacional: o Império, a cultura, a revolução e a riqueza. Em todos os encontros a proposta é partir do passado para entender as atuais posições chinesas da atualidade, seus dilemas e suas ambições.



DEUS EXISTE? O PRINCÍPIO DE TODAS AS COISAS


A existência (ou inexistência) de Deus é o tema mais importante da filosofia. Dessa reflexão, inevitavelmente nos indagamos sobre “qual o sentido da vida?” O grande debate sobre o “mistério dos mistérios” longe está de qualquer conclusão, sobretudo porque todas as tentativas filosóficas e ‘científicas’ mais elaboradas de ‘provar’ que Deus existe ou de ‘provar’ que Deus não existe resultam em novas dúvidas e em nenhuma conclusão definitiva do tema. Sempre há novos argumentos para demolir as teses lançadas. Para se aproximar do tema com mais segurança teórica, é importante distinguir certos conceitos e afastar certos preconceitos estabelecidos em torno do assunto. O propósito desse curso é oferecer os debates mais contemporâneos sobre o tema, de modo nada dogmático.



UM PERCURSO PELA HISTÓRIA DO VINHO


Muito mais que uma bebida, o vinho carrega em si histórias, a complexidade do tempo, a tradição das famílias produtoras. Degustar um bom vinho é entregar-se a uma verdadeira experiência sensorial que evoca as mais apuradas emoções. Dos elementos mais marcantes à sua importância econômica e cultural, o sommelier Celio Alzer nos conta nesse encontro um pouco da trajetória da bebida que é símbolo de sofisticação, confraternização e prazer. 



PERSPECTIVAS ATUAIS NO AUTISMO: CONTRIBUIÇÕES DA NEUROCIÊNCIA


O autismo é um distúrbio do desenvolvimento que desafia a ciência, mas avanços recentes têm contribuído significativamente para melhor compreendê-lo. Esses avanços contribuíram não apenas para uma melhor compreensão sobre o autismo, mas também para o estabelecimento de um diagnóstico cada vez mais precoce.
 

Sabe-se atualmente que o autismo envolve apresentações clínicas variadas, mas a sua principal característica é a dificuldade na interação com o outro e com o mundo ao seu redor. Pessoas diagnosticadas com autismo tem alterações na percepção e na compreensão de sinais sociais, como por exemplo as expressões emocionais e o olhar. A neurociência vem permitindo desvendar cada vez mais os mecanismos cerebrais dessas alterações, sobretudo usando as técnicas modernas de neuroimagem. Estudos recentes revelam anomalias no chamado “cérebro social” em crianças e adultos com autismo. 
 

Todos esses avanços têm contribuído para o desenvolvimento de novas propostas terapêuticas e de práticas de inclusão. Assim, o objetivo desse curso é o de apresentar para profissionais e também para o público em geral esses novos conhecimentos de forma acessível e interativa.



A REVOLUÇÃO FRANCESA 230 DEPOIS: O BALANÇO DE UM LEGADO


Em 2019, completam-se duzentos e trinta anos do começo da Revolução Francesa. Iniciado com o abandono dos Estados-Gerais, por parte do Terceiro Estado, e a formação da Assembléia-Nacional, o movimento revolucionário ganharia o seu marco simbólico com a Tomada da Bastilha. A Bastilha funcionava como uma prisão para membros das camadas abastadas e letrados contrários ao governo, além de constituir um dos principais símbolos do absolutismo monárquico. 
 

Considerando o dia 14 de julho de 1789 como uma referência histórica que nos remete a valores e políticas importantes, este curso apresentará os antecedentes do movimento revolucionário e as rupturas por ele desencadeadas, que viriam a constituir um legado determinante no que diz respeito às instituições, aos direitos e à própria concepção de humanidade para o mundo contemporâneo.



VENEZUELA APÓS 20 ANOS DE CHAVISMO: DA ESPERANÇA AO COLAPSO


O curso propõe-se a apresentar a evolução da Venezuela ao longo dos últimos 20 anos, desde a ascensão de Hugo Chávez ao poder em 1999 até a grave crise atual no governo Maduro. Serão abordadas as origens do projeto de Chávez, suas principais diretrizes e propostas, bem como os desafios enfrentados ao longo do tempo, tanto considerando variáveis domésticas quanto internacionais. 



O SEGREDO DO ORATÓRIO – A HISTÓRIA DOS CRITÃOS NOVOS NO BRASIL


Foram 300 anos de Inquisição em Portugal, com consequências diretas no Brasil, país descoberto ao mesmo tempo em que se iniciava o período de trevas no território lusitano. Três séculos de perseguição, dissimulação e assimilação para milhares de judeus convertidos à força, os chamados cristãos novos, que para cá vieram nas primeiras décadas da colonização. Seus nomes foram trocados, suas tradições proibidas, suas famílias criadas em torno de segredos. Não podiam professar o judaísmo abertamente. Os que não abraçaram a fé católica perpetuaram tradições através dos casamentos endogâmicos, dos costumes e hábitos passados de geração em geração - geralmente pelas mulheres -, dissociados da religião, como algo “dos seus”. Mais de 500 anos depois do descobrimento do país e 200 anos após o fim da Inquisição, desvendamos, a partir da herança cristã nova, um Brasil que os brasileiros pouco conhecem.



DIÁLOGOS ENTRE ARTE E MODA


No campo da criação contemporânea, a conexão entre arte e moda se estabelece como norteador de diversas expressões tais como: coleções de moda, produções de imagens, desfiles ou performances que ressaltam o corpo e sua extensão, a veste como elementos geradores de propostas criativas. Criadores como Miuccia Prada e Jeff Koons ou grandes marcas como Louis Vuitton e Chanel foram capazes de explorar esse continuo diálogo entre arte e moda, desde o seu processo criativo até o resultado de propostas que levam o corpo e a sua exposição ao limite da experiência artística.



CERVEJA E HARMONIZAÇÃO - GASTRONOMIA, CULTURA E EXPLORAÇÃO SENSORIAL


Além de ser a bebida alcoólica mais consumida pelo homem, a cerveja permite duetos surpreendentes com a gastronomia. Combinar os aromas e os sabores de alimentos e cervejas é uma arte milenar que todos podem aprender. O curso explora o universo sensorial das harmonizações com essa bebida a partir de ingredientes simples do cotidiano do brasileiro. São encontros com degustações orientadas de rótulos nacionais e importados, combinadas a itens básicos da nossa culinária, em que a finalidade é produzir experiências gastronômicas únicas e inesquecíveis.