Busca

     

Resultado



O MUNDO SEGUNDO TRUMP: AS RELAÇÕES INTERNACIONAIS DOS ESTADOS UNIDOS EM TEMPOS DE FOGO E FÚRIA


Donald Trump assumiu a presidência dos Estados Unidos em janeiro de 2017 prometendo reposicionar o país como uma grande nação. Desde a campanha eleitoral, ao longo de 2016, tem surpreendido o mundo pela maneira como se refere a outros líderes mundiais e outros países. Ora são elogios rasgados, como os feitos ao presidente russo – acusado pelos próprios órgãos de inteligência do governo americano de interferir na eleição presidencial de 2016 –, ora são ataques verbais à China, à Coreia do Norte, ao Irã ou ao México.

Mas, retóricas do presidente à parte, como estão as relações internacionais americanas sob sua gestão? O objetivo desse curso é discutir essa questão com ênfase na política externa para China, Rússia e Oriente Médio, compondo o contexto histórico e político das manchetes da imprensa e da mídia, com uma frequência surpreendente nestes tempos de fogo e fúria.



GUERRA E PAZ NA ÁSIA DO SÉCULO XXI: UM NOVO CENÁRIO GEOPOLÍTICO?


Os Estados Unidos e a Coreia do Norte se enfrentarão em uma guerra nuclear? Uma China fortalecida irá recuperar Taiwan? Qual o papel do Japão e da Rússia nesse contexto?

Os rumos do mundo no século XXI estão sendo cada vez mais definidos pelas relações entre China e Estados Unidos, com os chineses desfrutando anos de crescimento econômico acelerado e as potências ocidentais entrando em crise. Ao longo desta década, a diplomacia chinesa se tornou mais assertiva, desafiando o Ocidente em questões como a disputa de limites no Mar do Sul da China e lançando o ambicioso programa de infraestrutura da Nova Rota da Seda, que pode mudar o equilíbrio de poder na Ásia Central e no Sudeste Asiático.

Este curso discute o novo cenário geopolítico asiático neste início de século a partir dos conflitos crescentes envolvendo uma China em ascensão, seus vizinhos e os Estados Unidos, que se defrontam com crise política e instabilidade.



COREIA DO NORTE: OS BASTIDORES DO ESTADO SECRETO


A Coreia do Norte é um dos países mais isolados do mundo. Para se ter uma ideia, um norte-coreano não tem acesso a e-mails, a Google, a redes sociais. Não tem autorização para enviar cartas pessoais ao exterior. Toda informação que entra ou sai do país é controlada pelo governo, comandado desde 1948 pela dinastia Kim. Seu mais jovem líder, Kim Jong-un, mantém o culto à personalidade e o forte militarismo praticados por seu avô e pai. Agora, ele enfrenta uma ameaça a seu poder mais forte que as armas: a permeabilidade cada vez maior da cultura através da tecnologia.

A CASA DO SABER RIO O GLOBO, em parceria com o Canal Philos TV, realiza um ciclo com sessões de documentários seguidas de um bate-papo relacionado ao tema. Nessa edição, será exibido o documentário Coreia do Norte: bastidores do Estado secreto, dirigido por James Jones. Depois, o fotógrafo Leo Aversa, um dos poucos jornalistas brasileiros a conseguir entrar no país, faz um relato das suas impressões sobre esse pouco conhecido lugar.