ANTROPOCENO – ONTEM, HOJE, AMANHÃ


Luiz Alberto Oliveira

De 16 a 30 de agosto - Quintas-feiras - das 19h30 às 21h30 - 3 encontros

Antropoceno é um termo formulado por Paul Crutzen, Prêmio Nobel de Química de 1995, e Eugene Stoermer, professor de Biologia da Universidade de Michigan, com o objetivo de indicar uma característica essencial de nossos dias: o fato de que o conjunto das atividades humanas se tornou uma força de transformação de alcance mundial cujas consequências terão longa duração. O prefixo grego antropo significa homem, humano; e o sufixo ceno denota as épocas geológicas. Estamos, portanto, na Época dos Humanos.

De fato, a civilização se tornou planetária: não existe hoje uma região sequer que não seja afetada direta ou indiretamente pela intervenção humana. Num prazo muito curto, mudamos a composição da atmosfera, devido ao uso contínuo de combustíveis fósseis; alteramos os regimes do clima; afetamos drasticamente uma série de biomas, inclusive nos oceanos; mudamos, em um único século, o padrão de sedimentação de todas as bacias hidrográficas do mundo, em todos os continentes... Geólogos do futuro que examinarem os vestígios de nosso tempo encontrarão evidências de que um novo agente global de transformação entrou em cena nesse período. Esse agente é a Humanidade.

Em consequência, doravante não viveremos mais no ambiente acolhedor dos últimos 15 mil anos, quando nossa civilização surgiu e se desenvolveu. Nós e nossos descendentes habitaremos em um mundo diferente, profundamente modificado por nossas próprias ações. Esse é o entendimento decisivo que é preciso alcançar para enfrentarmos os desafios que hoje se abrem e construirmos, juntos, nosso amanhã comum.

INSCRIÇÃO ONLINE
Valor R$ 360,00

INSCREVA-SE AQUI

Conheça as formas de pagamento e a
política de cancelamento

ÁREA DO ALUNO
Faça o download do material do curso

aulas


  • 16 AGO | ONTEM


  • 23 AGO | HOJE


  • 30 AGO | AMANHÃ


ministrado por


  • Luiz Alberto Oliveira

    Físico, doutor em Cosmologia. Foi pesquisador do Instituto de Cosmologia, Relatividade e Astrofísica (Icra-BR) do Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas (CBPF/MCTI), onde também atuou como professor de História e Filosofia da Ciência. Professor da CASA DO SABER RIO desde a sua fundação, palestrante e consultor de diversas instituições, é o curador geral do Museu do Amanhã do Rio de Janeiro.

INSCREVA-SE AQUI