CLÁSSICOS DOS CLÁSSICOS: BACH, MOZART E BEETHOVEN


Arthur Dapieve

De 09 a 23 de março - Sextas-feiras - das 19h30 às 21h30 - 3 encontros

Quem está interessado em conhecer o universo da música clássica tem três portas de entrada seguras à sua disposição para facilitar a viagem. E quem já está envolvido com o gênero tem três portos seguros aos quais sempre retornar, não importa quão longe tenha ido. Bach, Mozart e Beethoven são ao mesmo tempo essas portas e esses portos.

Tendo vivido num período relativamente curto, que vai do nascimento de Bach, em 1685, à morte de Beethoven, em 1827, esses três compositores não apenas estabeleceram os paradigmas pelos quais julgamos esse estilo musical como exploraram à exaustão os seus limites.

O curso busca discutir, com curiosos e iniciados, o que torna esses três nomes hors-concours em listas de compositores favoritos, clássicos entre os clássicos. Para isso serão apresentados episódios de suas biografias paralelamente a exemplos de suas obras mais representativas.

ÁREA DO ALUNO
Faça o download do material do curso

aulas


  • 09 MAR | JOHANN SEBASTIAN BACH

    A existência tranquila em Leipzig, na Alemanha. O pai de toda a música ocidental. Das suítes para violoncelo solo até a Missa em si menor.


  • 16 MAR | WOLFGANG AMADEUS MOZART

    A existência agitada nas estradas da Europa. O compositor mais que completo. Das sonatas para piano até A flauta mágica.


  • 23 MAR | LUDWIG VAN BEETHOVEN

    A existência tempestuosa em Viena. O padroeiro do longevo Romantismo musical. Dos quartetos de cordas até a Nona sinfonia.


ministrado por


  • Arthur Dapieve

    Professor do Departamento de Comunicação Social da PUC-Rio. Colunista do jornal O Globo desde 1993. Autor de 12 livros, entre ficção e não ficção, como a coletânea de contos Maracanazo e outras histórias e o perfil Renato Russo: o Trovador Solitário. Apresenta um programa de música clássica na Rádio Batuta, do Instituto Moreira Salles.