HISTÓRIA DA ARTE – ARTE MODERNA: PRIMEIRA METADE DO SÉCULO XX


Hélio Márcio Dias Ferreira

De 06 de agosto a 03 de setembro - Segundas-feiras - das 19h30 às 21h30 - 5 encontros

Esse curso pretende oferecer um panorama sobre o universo da história da arte moderna ocidental no início do século XX, como Fauvismo, Cubismo e Expressionismo, em que se destacam os trabalhos de Matisse, Picasso, Braque, Kirchner, Franz Marc, Emil Nolde, Kandinsky, entre outros. Assim, muito poderá ser discutido e apresentado em aulas fartamente ilustradas.

*Dado o extenso programa do curso, o professor poderá fazer pequenas alterações no andamento das aulas, de acordo com as necessidades do próprio curso e com a aquiescência dos alunos.

INSCRIÇÃO ONLINE
Valor R$ 550,00

INSCREVA-SE AQUI

Conheça as formas de pagamento e a
política de cancelamento

ÁREA DO ALUNO
Faça o download do material do curso

aulas


  • 06 AGO | FAUVISMO E MATISSE

    O movimento, surgido em 1905, provocou uma revolução no campo da cor. Entre os principais mestres estão Henri Matisse, André Derain, Raoul Dufy, Maurice de Walminck, Georges Rouault.


  • 13 AGO | CUBISMO

    A partir de 1907, surge o movimento cubista, pelas mãos de Pablo Picasso e Georges Braque. Foi o principal rompimento com a tradição pictórica, inaugurando definitivamente a arte moderna. Também serão vistos exemplos no campo da escultura.


  • 20 AGO | PABLO PICASSO

    A obra do grande mestre epanhol será vista em suas mais diversas fases, desde o início, na Espanha, até o pleno desenvolvimento, em solo francês. As fases azul e rosa, a linguagem cubista e o estilo picassiano desenvolvido até a morte do pintor.


  • 27 AGO | EXPRESSIONISMO ALEMÃO

    Expressionismo é uma linguagem artística assim cunhada desde tempos imemoriais. Mas, como movimento, nasceu na Alemanha, com o trabalho de dois grupos: A Ponte, de Berlim; e Cavaleiro Azul, de Munique. Veremos as suas principais questões e as obras dos artistas envolvidos.


  • 03 SET | WASSILY KANDISNKY

    Vida e obra do pintor russo que desenvolveu sua carreira na Alemanha e na França. Seu legado teórico será mostrado também por meio de trechos do livro Do espiritual na arte, escrito pelo artista. Serão analisadas as peças do período do grupo do Cavaleiro Azul, de Munique, além de sua participação na Escola da Bauhaus, bem como sua obra abstrata final.


ministrado por


  • Hélio Márcio Dias Ferreira

    Professor da Uni-Rio, mestre em História da Arte pela UFRJ e doutor em Educação pela UFF, com parte dos estudos realizada na Universidade Paris III – Sorbonne, França. É autor de livros de arte como Uma história da arte ao alcance de todos e Ivan Serpa: o expressionista concreto.

INSCREVA-SE AQUI