HISTÓRIA DA ARTE: PINTURA E ESCULTURA NO FINAL DO SÉCULO XIX

PÓS-IMPRESSIONISTAS, SIMBOLISTAS, RODIN, NABIS, PRÉ-RAFAELITAS E PINTURA ACADÊMICA


Hélio Márcio Dias Ferreira

De 02 de abril a 14 de maio - Segundas-feiras - das 19h30 às 21h30 - 5 encontros

L'abandon (Les deux amies), de Henri de Toulouse-Lautrec (1864-1901)

Esse curso oferece um passeio pelo final do século XIX, quando artistas ligados ao pós-Impressionismo selaram, definitivamente, o início da Modernidade no campo da pintura. Simbolistas e Nabis enfatizaram o mundo dos sonhos e da fantasia, como num pré-Surrealismo. Rodin revolucionou para sempre a escultura e abriu as portas para os artistas do século seguinte. Por fim, pré-rafaelitas ingleses e pintores acadêmicos mostraram que a tradição pictórica ainda era necessária nessa época.
 

Excepcionalmente, por uma questão de agenda do professor, a quarta aula do curso será realizada no dia 11 de maio, sexta-feira, das 19h30 às 21h30.

ÁREA DO ALUNO
Faça o download do material do curso

aulas


  • 02 ABR | PÓS-IMPRESSIONISMO: VAN GOGH E GAUGUIN

    Os grandes artistas que sofreram a influência do Impressionismo deixaram, cada um a seu modo, sementes para os movimentos de vanguarda que eclodiriam no século XX. Nessa aula estudaremos o colorido expressionista de Van Gogh e a libertação das áreas independentes de cor de Gauguin.


  • 09 ABR | CÉZANNE, TOULOUSE-LAUTREC E SEURAT

    Cézanne, o artista de Aix-en-Provence e sua influência sobre os pintores da arte moderna. Toulouse-Lautrec: o mundo novo da arte gráfica e a irreverência de seus pastéis e óleos. Seurat e o nascimento do pontilhismo, uma nova maneira de ver a pintura.


  • 16 ABR | A ESCULTURA DO SÉCULO XIX E A OBRA DE RODIN

    A escultura do século XIX teve menos importância do que a pintura, mas foi nessa época que viveram os singulares Auguste Rodin e Camille Claudel. Discutiremos a revolução nesse campo da arte.


  • 11 MAI | O SIMBOLISMO E OS NABIS

    Sob a influência da literatura simbolista francesa, a pintura europeia assistiu a uma revolução onírica na temática de seus trabalhos. Alguns artistas influenciados por Gauguin, como Vuillard e Bonnard, formaram um grupo de coloristas singulares autointitulados Nabis.


  • 14 MAI | PRÉ-RAFAELITAS E PINTURA ACADÊMICA

    Um grupo de pintores ingleses, entre eles Dante Gabriel Rossetti, William Hunt e John Everett Millais, formaram a Irmandade Pré-Rafaelita de Pintura. Na mesma época, a Escola de Belas Artes apresentava pintores como Alexandre Cabanel e William-Adolphe Bouguereau.


ministrado por


  • Hélio Márcio Dias Ferreira

    Professor da Uni-Rio, mestre em História da Arte pela UFRJ e doutor em Educação pela UFF, com parte dos estudos realizada na Universidade Paris III – Sorbonne, França. É autor de livros de arte como Uma história da arte ao alcance de todos e Ivan Serpa: o expressionista concreto.