LITERATURA, MATEMÁTICA E CABALA


Jacques Fux

05 de abril - Quinta-feira - das 19h30 às 21h30

CONCLUÍDO

Que relações a literatura pode estabelecer com a matemática e a cabala? Como palavras, números, equações e abstrações se articulam num conto, num romance e num texto “sagrado”? Quais os limites e as confluências entre raciocínio e imaginação? Nesse encontro, o escritor Jacques Fux abordará essas e outras questões, tomando como ponto de partida as obras de Jorge Luis Borges, Italo Calvino, Lewis Carroll e Georges Perec, autores que incorporaram, pela via da ficção e dos jogos de linguagem, conceitos matemáticos e cabalísticos diversos.

ÁREA DO ALUNO
Faça o download do material do curso

ministrado por


  • Jacques Fux

    Escritor e pesquisador, é doutor e pós-doutor em Literatura pela UFMG, Unicamp e Université de Lille 3 (França). Formado em Matemática e mestre em Ciência da Computação, foi professor do Insper e da Fundação Dom Cabral e pesquisador visitante na Universidade de Harvard (Estados Unidos). Venceu o Prêmio São Paulo de Literatura em 2013 com Antiterapias. Autor de Brochadas: confissões sexuais de um jovem escritor; Meshugá: um romance sobre a loucura (vencedor do Prêmio Manaus de Literatura); Literatura e matemática: Jorge Luis Borges, Georges Perec e o OULIPO (vencedor do Prêmio Capes pela melhor tese do Brasil e finalista do Prêmio APCA).