PENSADORAS CLÁSSICAS – FEMINISMO E POLÍTICA NOS SÉCULOS XVIII E XIX


Verônica Toste

De 02 a 23 de maio - Quartas-feiras - das 19h30 às 21h30 - 4 encontros

Através dos séculos, inúmeras mulheres produziram reflexões críticas em relação ao contexto histórico que enfrentavam, discutindo conflitos sociais e políticos, questões econômicas, ideologias, revoluções e transformações globais. Frequentemente elas conectaram esses temas à posição de subordinação das mulheres dentro de estruturas de opressão de gênero.

O objetivo desse curso é apresentar quatro autoras que viveram entre os séculos XVIII e XX, cujo pensamento é essencial para a compreensão das ligações entre o desenvolvimento do feminismo e o surgimento de movimentos político-sociais como o abolicionismo, o sufragismo, o socialismo, o liberalismo e as lutas antirracista e anticolonial.

ÁREA DO ALUNO
Faça o download do material do curso

aulas


  • 02 MAI | MARY WOLLSTONECRAFT (INGLATERRA, 1759-1797)

    O pensamento liberal e a linguagem dos direitos das mulheres.


  • 09 MAI | ALEXANDRA KOLLONTAI (IMPÉRIO RUSSO, 1872-1952)

    O socialismo, o trabalho das mulheres e a liberação sexual feminina.


  • 16 MAI | ANNA JULIA COOPER (ESTADOS UNIDOS, 1858-1964)

    As conexões entre discriminação de raça e gênero.


  • 23 MAI | PANDITA RAMABAI SARASWATI (ÍNDIA, 1858-1922)

    Colonialismo, nacionalismo e feminismos transnacionais.


ministrado por


  • Verônica Toste

    Doutora em Sociologia pelo Instituto de Estudos Sociais e Políticos (IESP) da Uerj e mestre em Sociologia pelo Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro (Iuperj). Pós-doutoranda pelo Programa de Pós-Graduação em Sociologia e Antropologia (PPGSA), na UFRJ, e pesquisadora do Núcleo de Estudos de Sexualidade e Gênero (NESEG) na mesma instituição. Pesquisadora visitante no Instituto de Estudos Avançados na Universidade de Princeton (EUA). Trabalhou como docente na UFRJ, UNI-RIO, Uerj e FACHA. Seus atuais interesses são gênero na teoria social e política clássica, teoria feminista, sociologia das relações gênero, sociologia das relações raciais e teorias da interseccionalidade.