QUEM SOMOS NÓS? – PENSAR O HOMEM NO SÉCULO XXI


Rafael Haddock-Lobo

De 06 a 27 de junho - Quartas-feiras - das 19h30 às 21h30 - 4 encontros

As perguntas “que é o Homem?” ou “o que é próprio do Homem?” podem ser vistas como norteadoras da filosofia desde seu surgimento. Poderíamos até pensar que boa parte das reflexões dos grandes filósofos teve como ponto de partida ou de chegada indagações assim. Tomemos como exemplos as clássicas definições do Homem como “animal racional”, de Aristóteles, ou como “coisa que pensa”, de Descartes. Kant, após postular as três grandes questões de sua filosofia crítica (“o que posso saber?”, “o que devo fazer?” e “o que é lícito esperar?”), acrescentou a estas uma quarta: “o que é o Homem?”

Contudo, a partir do século XX, tais questões parecem ter ganhado um enfoque mais complexo frente às mudanças radicais ocorridas no âmbito global. Será que pensar o Homem, esse conceito com letras maiúsculas, seria o mesmo que perguntar “quem somos nós?” ou “o que é aquilo que todos os seres humanos têm em comum?”. Será que existe esse comum entre todos os viventes da raça humana? E mais: será que esse pensamento sobre o que somos deve sempre buscar identificar os que não são como nós? É na tentativa de mapear alguns desses problemas que esse curso se estrutura.

INSCRIÇÃO ONLINE
Valor R$ 440,00

INSCREVA-SE AQUI

Conheça as formas de pagamento e a
política de cancelamento

ÁREA DO ALUNO
Faça o download do material do curso

aulas


  • 06 JUN | O HOMEM EM FACE DOS OUTROS HOMENS

    Como o Humanismo pode ser pensado à luz das teorias contemporâneas da antropologia filosófica, da etnofilosofia e das críticas ao eurocentrismo? Em outras palavras: como pensar o homem diante de um mundo globalizado e com tanta diversidade cultural? Quem seria o modelo? Existe ainda “o Homem” ou essa expressão deveria ser sempre usada no plural?


  • 13 JUN | O HOMEM EM FACE DA MULHER

    Como o Humanismo pode ser pensado à luz das teorias feministas, de gênero e sobre o feminino? O conceito de Homem inclui ou sutilmente exclui o de Mulher? E, ainda, será que o termo Mulher também pode ser pensado de forma singular?


  • 20 JUN | O HOMEM EM FACE DOS ANIMAIS

    Como o Humanismo pode ser pensado diante da crescente problematização no que diz respeito aos direitos dos animais? Será que pensar sobre o que seria próprio do Homem seria sempre pensar a partir desses outros que não são como nós? Seria possível pensar em uma comunidade em que o Animal fosse um membro com igual dignidade?


  • 27 JUN | O HOMEM EM FACE DA MÁQUINA

    Será que todas essas questões não ficam ainda mais complicadas quando questionamos a diferença entre o vivo e o não vivo? A vida independe da máquina? Será que podemos ainda afirmar que o pensamento e a linguagem definem o Homem?


ministrado por


  • Rafael Haddock-Lobo

    Filósofo e professor de Filosofia da UFRJ. Doutor em Filosofia, coordena um grupo de pesquisa sobre Filosofias da Alteridade e publica, há quase 20 anos, livros e artigos relacionados ao tema.

INSCREVA-SE AQUI