REFUGIADOS - DA URGÊNCIA DO DEBATE


Ilana Strozenberg, José Joaquin Alvarado, Maria El Warrak, Maria Gabriela Moreno Ponce, Mireile Muluila, Nina Quiroga

26 de outubro - Sexta-feira - das 17h às 19h

Muito se tem discutido sobre a emergência de novas populações em trânsito no mundo. Guerras, violações de direitos humanos e disputas econômicas impulsionam o aumento de solicitantes de refúgio. Os Estados receptores precisam focar na integração efetiva destes indivíduos, fomentando o seu acesso aos direitos sociais por meio de diferentes políticas públicas.

A CASA DO SABER RIO, em parceria com o PARES Cáritas RJ, recebe Mireile Muluila, da República Democrática do Congo, e Maria Gabriela Moreno, da Venezuela, para um bate-papo sobre a questão do refúgio no Brasil, que será seguida por uma experiência gastronômica com o casal José e Maria, também da vizinha Venezuela.

APOIO

As inscrições iniciam-se a uma semana do evento e devem ser feitas pelo telefone (21) 2227-2237.

ÁREA DO ALUNO
Faça o download do material do curso

ministrado por


  • Ilana Strozenberg

    Professora da Escola de Comunicação da UFRJ. Graduada em Sociologia e Política pela PUC-Rio e em Études Litteraires pela Universite de Paris IV (Paris-Sorbonne). É especialista em Antropologia Social pelo Museu Nacional da UFRJ e Doutora em Comunicação pela UFRJ. É coordenadora do Programa de Pós-Doutorado do Programa Avançado de Cultura Contemporânea do Faculdade de Letras da UFRJ.

  • José Joaquin Alvarado

    Engenheiro civil. Ao chegar ao Brasil, a culinária virou trabalho e o sustento da família. Há quase 3 anos no país abriu, junto com a esposa, uma microempresa de culinária libanesa artesanal, a El Warrak, tornando-a conhecida em vários lugares de Rio de Janeiro.

  • Maria El Warrak

    Técnica em informática. Filha de libaneses, é apaixonada por cozinhar. Ao chegar ao Brasil, a culinária virou trabalho e o sustento da família. Há quase 3 anos no país abriu, com o marido, uma microempresa de culinária libanesa artesanal, a El Warrak, tornando-a conhecida em vários lugares de Rio de Janeiro.

  • Maria Gabriela Moreno Ponce

    Chegou no Brasil em agosto de 2017 com seu marido, dois filhos, e esperando um bebê de 8 meses. Na Venezuela eram proprietários de uma livraria. No entanto, com a crise política e econômica, precisaram deixar suas vidas em busca de condições mais dignas para sua família. Sonham em poder reabrir seu próprio negócio.

  • Mireile Muluila

    Formada em Relações Internacionais pela Université de Kinshasa, na República Democrática do Congo. Está no Brasil desde 2014. Atualmente, exerce o papel de agente de Proteção no setor de Integração Local, do PARES Cáritas RJ.

  • Nina Quiroga

    Relações Institucionais do PARES Cáritas RJ. Mestre em Mídia e Mediações Sócioculturais. Vem desenvolvendo pesquisas e projetos relacionados à integração de refugiados e migrantes internacionais desde 2008. Já atuou em diversas organizações e projetos sociais, como Iser, Canal Futura, Projeto Trama, Secretaria de Direitos Humanos do Estado, dentre outras.