REI POR ACASO: D. JOÃO VI E AS ARTIMANHAS DO PODER


Isabel Lustosa

De 06 a 20 de março - Terças-feiras - das 19h30 às 21h30 - 3 encontros

Na trajetória de d. João VI o acaso teve papel determinante. A morte do irmão mais velho, d. José, cujas qualidades físicas e intelectuais pareciam destiná-lo a um reinado glorioso, tornou-o herdeiro da Coroa portuguesa. Ninguém parecia menos qualificado do que aquele príncipe tímido, feio e sem brilho.

No entanto, d. João VI enfrentou desafios maiores que qualquer outro monarca de sua dinastia. Por meio de negociações ardilosas, conseguiu escapar das garras de Napoleão Bonaparte e estabelecer seu trono no Brasil. Trouxe progresso e modernização para o Rio de Janeiro, contribuindo para unir as várias partes do reino em torno de sua capital. Superou revoluções no Brasil e em Portugal, conservando a Coroa que, mesmo dividida entre os dois países, continuou com os Bragança até o fim das duas monarquias.

INSCRIÇÃO ONLINE
Valor R$ 330,00

INSCREVA-SE AQUI

Conheça as formas de pagamento e a
política de cancelamento

ÁREA DO ALUNO
Faça o download do material do curso

aulas


  • 06 MAR | O FILHO MENOS INTERESSANTE DE D. MARIA I DRIBLA NAPOLEÃO BONAPARTE


  • 13 MAR | A CORTE NO RIO JANEIRO ENTRE INGLESES E FRANCESES: FICAR OU VOLTAR


  • 20 MAR | UM REI ADAPTÁVEL E AS REVOLUÇÕES BRASILEIRAS E PORTUGUESAS


ministrado por


  • Isabel Lustosa

    Doutora em Ciência Política pelo Iuperj. Pesquisadora titular da Fundação Casa de Rui Barbosa, membro do Pen Club do Brasil e sócia honorária do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro (IHGB). Ocupou a Cátedra Simon Bolívar da Universidade Sorbonne Nouvelle – Paris III (França) e foi titular da Cátedra Sérgio Buarque de Holanda/Maison des Sciences de l’Homme/Paris, atuando como professora visitante na Universidade de Rennes – II (França). Especialista em História da Imprensa e da Caricatura Brasileira, nos últimos 20 anos vem concentrando seus estudos e suas publicações no período joanino e no Primeiro Reinado. É autora, entre outros, de Insultos impressos: a guerra dos jornalistas na Independência; D. Pedro I: um herói sem nenhum caráter; Lampião: esperteza e violência. Organizou: Imprensa, humor e caricatura: a questão dos estereótipos culturais; Imprensa, história e literatura; e Agostini: o italiano que desenhou o Brasil.  

INSCREVA-SE AQUI