ZICO, O MAIOR ÍDOLO DA MAIOR TORCIDA DO MUNDO


Pedro Duarte, Sérgio Besserman, Zico

10 de junho - Terça-feira - das 20h às 22h

Reprodução

Arthur Antunes Coimbra, o Zico, é o maior artilheiro da história do Maracanã. Os 333 gols que o eterno camisa 10 da Gávea fez no mais famoso estádio de futebol do mundo foram transformados em bens imateriais da cidade do Rio de Janeiro. Zico foi indicado pela Federação Internacional de História e Estatísticas do Futebol um dos 15 melhores jogadores de futebol do século XX – o terceiro melhor do Brasil, atrás apenas de Pelé e Garrincha. Zico, que acaba de completar 60 anos, conversa sobre a sua trajetória e suas visões do esporte na CASA DO SABER RIO O GLOBO com um economista e um doutor em filosofia apaixonados por futebol. 

ÁREA DO ALUNO
Faça o download do material do curso

ministrado por


  • Pedro Duarte

    Professor do Departamento de Filosofia da PUC-Rio, onde se formou mestre e doutor. Foi professor visitante nas universidades Brown (EUA) e Södertörns (Suécia). Publicou capítulos em livros e artigos em periódicos acadêmicos e veículos da grande mídia, como O Globo. Autor de Estio do tempo: Romantismo e estética moderna, A palavra modernista: vanguarda e manifesto e Tropicália Ou Panis et Circensis.

  • Sérgio Besserman

    Professor de Economia Brasileira na PUC-Rio. Foi presidente do IBGE, onde lançou, entre outras publicações, Indicadores de desenvolvimento sustentável e Glossário do meio ambiente. Foi diretor de Planejamento de Meio Ambiente do BNDES e participou, como membro da missão diplomática brasileira, das Conferências das Partes da Convenção Mundial do Clima. Preside a Câmara Técnica de Desenvolvimento Sustentável e de Governança Metropolitana da cidade do Rio.

  • Zico

    Ex-jogador de futebol e treinador. Considerado um dos dez maiores jogadores de todos os tempos pela France Football, na votação que elegeu Pelé o atleta do século. Maior ídolo e artilheiro da história do Flamengo. É o quarto maior artilheiro da Seleção Brasileira. Jogou na Itália e no Japão, onde seu apelido é Deus do Futebol.