Busca

     

Resultado



UMA BREVE HISTÓRIA DO MUNDO: DA MODERNIDADE A PÓS-MODERNIDADE


Com base nas obras do historiador britânico Eric Hobsbawm e de outras referências da atualidade, este curso tem o objetivo de traçar um panorama do mundo ocidental desde a Revolução Francesa, passando pelo desmonte da União Soviética e chegando ao complexo século XXI. Em vez de tomar como ponto de partida este ou aquele país ou determinado acontecimento, os encontros tratam dos grandes motores que moldaram o pensamento, o poder e fizeram acelerar as engrenagens do mundo. Tratar de história, mais do que levantar os marcantes eventos e reviravoltas que moldaram a realidade, é desenvolver o desejo pela narrativa, criar o engajamento que merece a atenção de todos. E o desenrolar dos fatos dos últimos dois séculos não têm pouco nem de uma coisa, nem de outra. Pelo contrário, quase a totalidade das dinâmicas culturais, políticas e sociais que ainda estão em movimento atualmente tiveram origem neste breve e conturbado período.

>>> Este curso faz parte da programação online da CASA DO SABER RIO via Zoom. Os inscritos receberão por e-mail no dia de cada aula o código e a senha de acesso à sala virtual.

 



DEUSAS, BRUXAS E FEITICEIRAS – HISTÓRIAS DE QUANDO DEUS ERA MULHER


O fenômeno religioso se deu para a humanidade de diversas maneiras. Diferentes culturas expressaram o sagrado pelo mundo – muitas vezes considerado profano – como um exemplo das virtudes necessárias para a sobrevivência, para a vida comunitária e para o desenvolvimento da jornada individual. O ocidente herdou uma intensa história que entrelaça em uma tessitura inseparável o fenômeno religioso, o social, o histórico e o político. O Deus das religiões abraâmicas é o pater família, que orienta, pune e recompensa suas criações como o arquétipo do grande pai universal. Porém, essa não é a única narrativa possível. Antes de Deus se transformar em homem, ele foi mulher em uma cultura tão antiga que remonta ao período neolítico, ao que chamamos de “paz primitiva”.

Nesse curso, apresentaremos um panorama da história da Deusa neolítica, a cultura que permitiu o seu desenvolvimento e pontuaremos também alguns conceitos importantes, como matriarcado e matrilinearidade.
>>> Este curso faz parte da programação online da CASA DO SABER RIO via Zoom. Os inscritos receberão por e-mail no dia de cada aula o código e a senha de acesso à sala virtual.

 

 



A VIDA ARTÍSTICA E CULTURAL NA PARIS DOS ANOS 1920


O que James Joyce (1882-1941), F. Scott Fitzgerald (1896- 1940), Pablo Picasso (1881- 1973), Wassily Kandinsky (1866- 1944) e Ernest Hemingway (1899-1961) tem em comum? A cele-bridade em torno de suas obras e o fato de terem vivido os anos 1920 em Paris, ao qual nós também somos frequentemente transportados, seja pela arte desses grandes artistas, seja pelo imaginário construído pela indústria cinematográfica a respeito desse período. A visão bastante difundida de que a Paris desses tempos “era uma festa” tende a provocar alguns esquecimentos, como o de que vivia-se na Europa dos anos 1920 os primeiros momentos de um delicado pro-cesso de reconstrução social, econômica e de valores, após o fim do conflito bélico mais violen-to e mais marcante já ocorrido no continente europeu: a 1ª Guerra Mundial.

Entre a história e a memória, entre o imaginário mítico e a dura realidade, seremos reconduzidos a esses anos marcantes da primeira metade do século XX parisiense, guiados pela literatura, pelas obras de arte e também pela palavra de alguns dos especialistas no assunto. Sairemos des-sa experiência com uma visão mais densa sobre esses anos de criatividade, de riqueza e de hor-ror numa cidade que era, e ainda é, uma das maiores capitais artísticas do mundo.

>>> Esta palestra faz parte da programação online da CASA DO SABER RIO via Zoom. Os inscritos receberão por e-mail no dia de cada aula o código e a senha de acesso à sala virtual.

 



A CHINA E O MUNDO DEPOIS DO ISOLAMENTO


O mundo parou e, neste momento, o tempo está em suspenso. É justamente neste intervalo – entre o passado próximo, a intensidade do presente e a incógnita do futuro – que estamos sendo obrigados a nos reprogramar e nos readequar a uma nova ordem global. Foi preciso a China adoecer e se fechar para então o mundo perceber que não se vive mais sem sua presença comercial, econômica, tecnológica.

Nesse sentido, a proposta desta palestra é apresentar um olhar sobre como coexistem a cultura milenar e os processos pós-tecnológico (inteligência artificial) na China, analisando as novas relações econômicas, políticas, ambientais e humanas que estão sendo estabelecidas pelo movimento conhecido como sinofuturismo, onde há uma maior influência oriental no mundo ocidental.

​​>>> Esta palestra faz parte da programação online da CASA DO SABER RIO via Zoom. Os inscritos receberão por e-mail no dia de cada aula o código e a senha de acesso à sala virtual.

 



OS EFEITOS DO COVID-19 E AS ALTERAÇÕES NAS RELAÇÕES DE TRABALHO


Diante da crise mundial provocada pela disseminação do coronavirus, quais as alterações que serão provocadas nas relações de trabalho? Nessa palestra serão abordados os principais temas atuais relacionados às diversas mudanças nas relações trabalhistas desde a chegada da Pandemia causada pelo Covid-19 no Brasil: os decretos, Medidas Provisórias, Decisões Judiciais e os efeitos na sociedade, tratados de forma didática e objetiva.

>>> Esta palestra faz parte da programação online da CASA DO SABER RIO via Zoom. Os inscritos receberão por e-mail no dia de cada aula o código e a senha de acesso à sala virtual.

 

 



A BARBÁRIE NO CENTRO DA CIVILIZAÇÃO: UM HISTÓRICO SOBRE O TERRORISMO ONTEM E HOJE


O terrorismo é a face mais assustadora da política mundial. A ameaça a pessoas comuns, o desprezo pela vida e o impacto visual moldam parte de nosso olhar sobre o mundo contemporâneo e sobre as decisões de alguns dos governos mais poderosos do planeta. Mas a sua história, ao contrário do que parece, não é recente. Nestes dois encontros, discutiremos a evolução do terrorismo, com o desafio de definir conceitualmente o mesmo e abordar sua evolução prática, bem como analisar os ideais que deram sustentação aos terroristas ao longo do tempo.

Refletir sobre o histórico do terror nos dará oportunidade para discutirmos o papel do medo na política em momentos como, por exemplo, a Revolução Francesa (1789-1799). Também voltaremos ao século XIX, destrinchando o terrorismo anarquista, influenciado diretamente pela globalização. Já nos séculos XX e XXI, teremos a chance de compreender fenômenos como o terrorismo anticolonial, o anti-imperialista e, por fim, o religioso, com foco em grupos como Al-Qaeda e Estado Islâmico. Compreender o fenômeno que coloca a barbárie no centro da civilização é um exercício fundamental de entendimento do nosso tempo.

>>> Este curso faz parte da programação online da CASA DO SABER RIO via Zoom. Os inscritos receberão por e-mail no dia de cada aula o código e a senha de acesso à sala virtual.



CHARLES DE GAULLE, O PRESIDENTE MAIS QUERIDO DA FRANÇA


O nome mais importante da vida política francesa desde Napoleão Bonaparte foi o general Charles de Gaulle (1890 -1970). Em 6 de junho de 1944, quando os Aliados desembarcaram na Normandia para libertar primeiro a França e depois a Europa, De Gaulle e seu exército estavam presentes. E ele liderou-os vitoriosamente na libertação de Paris dez semanas depois. De Gaulle, então, formou um governo provisório francês, no qual ele mesmo ocupou o cargo de presidente. Em 1958, quando a guerra na colônia francesa da Argélia ameaçava desencadear um conflito dentro na própria França, ele foi eleito presidente por uma esmagadora maioria de votos. Resolveu o problema argelino, dando-lhes a independência, e então se preocupou em reconstruir a vida econômica e política francesa. Sob sua Quarta República, a França voltou a ocupar um lugar de destaque entre as principais forças políticas da Europa e, claro, do mundo.



ÁFRICA, UMA INTRODUÇÃO


Durante muitos anos, o continente africano foi considerado desprovido de história. Essa premissa diz muito mais sobre uma falta de conhecimento geral sobre a África do que sobre as narrativas africanas propriamente ditas. A África é diversa e repleta de histórias complexas e instigantes, e muitas delas estão diretamente relacionadas às do Brasil, um dos países com a maior população afrodescendente de todo o mundo.

O objetivo destes dois encontros é o de oferecer uma introdução aos estudos das Histórias da África, desconstruindo estereótipos e colocando luz sobre a parte mais sangrenta da nossa trajetória enquanto país: a escravidão.

>>> Este curso faz parte da programação online da CASA DO SABER RIO via Zoom. Os inscritos receberão por e-mail no dia de cada aula o código e a senha de acesso à sala virtual.



AMÉRICA DO SUL EM CRISE - CAUSAS E PERSPECTIVAS


As instabilidades em diversos países da América do Sul foram marcantes ao longo do segundo semestre de 2019, revelando um cenário de convulsão social e trazendo algumas incertezas para a própria democracia. Corrupção, crise econômica, desigualdade e polarização política são algumas das causas que explicam o quadro caótico vivido pela região, além das peculiaridades de cada um dos países. O curso propõe-se a analisar essas crises, destacando os principais fatores, semelhanças e diferenças, bem como as possibilidades futuras.