O QUE VER NO CÉU DO VERÃO? 

MITO, HISTÓRIA E CIÊNCIA


Walmir Cardoso

22 e 29 de january - Fridays - das 19h às 20h30 - 2 encontros

O mês de dezembro marcou o início da estação do Verão. Mas, o que isso significa, além de podermos esperar mais calor? Um conjunto de constelações passa a ser observado preferencialmente no céu nessa época do ano. Conhecer as constelações ocidentais é prazeroso porque elas nasceram parcialmente em tradições que nos remetem aos babilônios e gregos antigos. Saber localizar as constelações também tem o sentido prático de localização no espaço ou no tempo.

No primeiro encontro iremos olhar para o céu sem instrumentos, apenas usando um mapa ou carta celeste, para observar algumas estruturas (asterismos) ou constelações da cultura ocidental e tomar contato com os principais mitos associados a elas, como os da constelação do gigante Órion ou do Touro, Gêmeos, Cão Maior etc. No segundo encontro, usando um binóculo, observaremos os detalhes das constelações, como aglomerados de estrelas ou nebulosas, refinando assim o nosso olhar mesmo nas cidades, criando um mapa mental das estrelas.

CURSO ONLINE AO VIVO + REPLAY
> Este curso faz parte da programação online ao vivo e gravada da Casa do Saber Rio via Zoom.
>> Se não puder participar ao vivo na primeira data, o Replay (gravado) acontece nos dias 26 DE JANEIRO E 02 DE FEVEREIRO, ÀS 17H.
>>> Os inscritos receberão por e-mail no dia de cada aula o link, o código e a senha de acesso à sala virtual.

As inscrições podem ser feitas pelos telefones (21) 2227 2237.

ÁREA DO ALUNO
Faça o download do material do curso

aulas


  • 22 JAN | OLHAR O CÉU SEM INSTRUMENTOS


  • 29 JAN | OLHAR O CÉU COM INSTRUMENTOS


ministrado por


  • Walmir Cardoso

    Doutor em Educação Matemática e mestre em História da Ciência pela PUC-SP, onde é professor do Departamento de Física. Bacharel em Física pela PUC-SP, com especialização em História da Ciência pela Unicamp. Gerente de Conteúdo da TV Escola do MEC e membro da Diretoria da Sociedad Interamericana de Astronomía en la Cultura (SIAC).